Ainda estamos nos ajustando a um novo ‘normal’. Algumas pessoas estão gostando, outras nem tanto. Fato é que todos temos que nos ajustar e os relacionamentos podem sofrer algum tipo de pressão.Veja alguns tópicos úteis para cuidar de você e de sua família durante o confinamento.

CUIDE DE SI MESMO

Seja gentil consigo mesmo – todos nós processamos de maneira diferente o que está acontecendo. Algumas pessoas precisam conversar e expressar os seus sentimentos, outras processam internamente e precisam de tempo e espaço. Se se sente infeliz, considere entrar em contato com um amigo de confiança e peça para ele te ouvir. Tente não deixar que estas coisas se acumulem.

Cuidado com as notícias – muita mídia pode te levar à loucura. Embora seja importante manter-se informado, não veja só as más notícias, e concentre-se em sites confiáveis.

Tenha uma boa rotina – levante-se no horário habitual e não fique de pijama o dia todo, vestir-se adequadamente ajuda a se sentir mais normal. Ar fresco e exercícios contribuem para o bem-estar, você pode se exercitar em casa mesmo. O exercício é bom para a sua saúde física e mental.

Seja grato – é sabido que uma “atitude de gratidão” pode ajudar a mudar a sua mentalidade para uma visão mais positiva. Observe as pequenas coisas e seja intencional em expressar a sua gratidão. Isso também nos ajuda a manter a perspectiva.

Seja criativo – use o tempo positivamente. Talvez você possa tentar pintar, desenhar ou ler sobre um país histórico que gostaria de visitar um dia; experimente um novo tipo de culinária… o objetivo é pensar fora da caixa.

Fique quieto – dedique um tempo para ficar quieto e sossegado, meditar é ótimo!

CUIDE DA FAMÍLIA

Seja gentil – pequenos gestos de bondade podem fazer uma grande diferença no relacionamento. Reserve um momento para considerar o que fazer para tornar a vida da sua família um pouco mais fácil hoje? Preparar um lanche, cozinhar o jantar, fazer uma massagem, ouvir os problemas e mostrar empatia, brincar, desenhar ou ler um livro para as crianças.

Crie espaço – não estamos acostumados a ficar 24 horas juntos, vivendo e trabalhando em casa com a família. Deixe claro as suas necessidades de tempo e espaço juntos e separados. Aceite que as necessidades do seu parceiro não são as mesmas que as suas. Sair sozinho para um tempo de exercício diário também pode ser útil.

Gestão de conflitos – na vida “normal”, era muito mais fácil ignorar os problemas, porque podíamos fugir deles. É possível que questões do passado voltem e causem tensão.  Conversar e resolver bem as divergências vale muito a pena, mas nem sempre é fácil, especialmente se um problema se tornou um padrão de comportamento.

Seja pró-ativo – fale sobre algumas coisas positivas para fazer junto, ver um filme, uma série; uma caminhada, andar de bicicleta; tomar um café virtual ou até planear um jantar com amigos pelo Skype.

Veja o lado engraçado – o humor pode ajudar a gerir o stress. Tem muita coisa engraçada nas redes sociais. Há momentos em que é útil escutar os sentimentos e a ansiedade um do outro, e há momentos em que é útil

encontrar coisas para rir juntos.

CUIDE DAS CRIANÇAS

Há muita ajuda online para o ensino doméstico e encontramos muitas coisas divertidas para fazer com as crianças.

As crianças assistem e veem tudo, sua ansiedade e qualquer discussão, por isso vale a pena ter uma conversa em casal e fazer um plano de como será a vida em casa. Estejam “do mesmo lado” e deixem as discussões longe das crianças.

Seus filhos precisarão de mais conforto do que horas de trabalho escolar. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *